Taise Walber: Território das Mamães : Para ser mãe não é preciso deixar de ser mulher.

Território das Mamães : Para ser mãe não é preciso deixar de ser mulher.

     
 Luiz Hanns abordará esse assunto no 1º Seminário Internacional de Mães, promovido pela Pais&Filhos



Luiz Hanns, que é psicólogo, pesquisador e terapeuta de casais há mais de 20 anos, será um dos palestrantes do “Seminário Internacional: Mãe Também é Gente”, realizado pela Revista Pais&Filhos, no dia 15 de maio, no WTC (World Trade Center - São Paulo), na Zona Sul da capital paulista. 
O autor do livro “Equação do Casamento”, lançado em 2013 - que apresenta seis dimensões que as pesquisas mostram ser cruciais para que marido e mulher permaneçam casados e felizes: compatibilidade psicológica, saber conviver a dois, graus de consenso, atração sexual, ciclos de vida, pressões e frustrações externas e vantagens de permanecer casado -, falará sobre o tema “Para ser mãe você não precisa deixar de ser mulher”.
Em entrevista a Pais&Filhos, Luiz Hanns afirma que “a conexão emocional é o fator principal para que um casamento atravesse décadas com mais satisfação e mais cumplicidade, mesmo que entremeado por brigas, dificuldades econômicas, estresse, a carga de criar filhos etc. Se houver conexão, tudo pode ser superado”.

Segundo ele a mídia vende uma ideia irreal de uma vida balanceada, equilibrada e 100% feliz. 

“Não é possível ter uma vida equilibrada. É possível ter uma vida que valha a pena. Vai ter que escolher que desbalanço e que desequilíbrio para você, na sua equação de vida, faz mais sentido. Não dá para você cuidar do seu corpo, da sua beleza, da sua saúde, do seu tempo de lazer, da sua vida de casal, educar bem filho, ter uma boa carreira, ter uma boa filha, ter amigos, estudar mais, andar no trânsito, comprar roupas. Isso não é viável, é impossível - não é uma questão de ser competente”.

Para Luiz a sexualidade do homem é muito diferente da mulher e, após a maternidade - com a sobrecarga de cuidar dos filhos -, pode haver uma diminuição da disposição sexual, porém há como contornar a situação com uma conexão emocional mais ajustada, mais comunicação e acordo quanto a educação de filhos.  

Confira mais sobre a temática do “Seminário Internacional: Mãe Também é Gente”, a programação, outras participações especiais e como se inscrever, no site: 




3 comentários:

  1. há sua filhota é linda, se eu for mae e ter esse corpão já to muito feliz.. rss
    eu conheço muitas meninas amigas minhas até que depois que viraram mãe perderam totalmente a vaidade e ficam colocando a culpa nas crianças pois dizem que não tem tempo para elas, sei que não deve ser fácil ser mãe, mas poxa um tempinho pra gente sempre tem que ter !
    adorei o post linda, arrasou
    www.rennataferreira.com

    ResponderExcluir
  2. Penso como você Thay só porque sou mãe não que dizer que não preciso mais cuidar de mim,sempre temos que tira aquele tempo especial,amo muito seu canal e seu blog,você é um exemplo de mãe e de mulher,ensina suas leitoras dando lição de vida,te vejo como um exemplo,mostra a realidade de sua vida diferente de outras blogueiras que tentam passar perfeição em suas vidas ,você é verdadeira,valorizo pessoas assim,Deus abençoe sua família muito torço por vocês,da um bjinho na Luna por mim, como sempre adorei o post,BJINHOS!!!

    ResponderExcluir
  3. Penso como você Thay só porque sou mãe não que dizer que não preciso mais cuidar de mim,sempre temos que tira aquele tempo especial,amo muito seu canal e seu blog,você é um exemplo de mãe e de mulher,ensina suas leitoras dando lição de vida,te vejo como um exemplo,mostra a realidade de sua vida diferente de outras blogueiras que tentam passar perfeição em suas vidas ,você é verdadeira,valorizo pessoas assim,Deus abençoe sua família muito torço por vocês,da um bjinho na Luna por mim, como sempre adorei o post,BJINHOS!!!

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem vindo aqui no blog!! Aceito Críticas, mas apenas as construtivas. Falta de respeito, xingamentos e abusos não serão permitidos aqui no Blog.
Obrigada pela visita, e volte sempre que quiser.

Postagens mais visitadas